terça-feira, 17 de maio de 2016

REFORMA PROTESTANTE E CONTRARREFORMA




1- CAUSAS:

Insatisfação dos reis e príncipes por conta dos poderes do Papa
Corrupção do clero
Venda de indulgências e falsas relíquias

2- OS REFORMISTAS

Wycliff –


teólogo inglês que traduziu a Bíblia para seu idioma;
criticava a riqueza e a falta de instrução dos padres;
foi preso e acusado de herege.

John Huss-


Teólogo da República Tcheca – traduziu a Bíblia para o seu idioma;
Criticava o luxo e a corrupção da Igreja;
Foi excomungado, preso e queimado vivo.

3- MARTINHO LUTERO


Foi um estudante de Direito que depois passou a estudar Teologia.
Era alemão.
Entrou para um convento agostiniano
Mesmo jejuando, orando e lendo a Bíblia se sentia pecador.
Era contra a venda de indulgência e contra a doutrina católica.
Iniciou a Reforma Protestante
Rompe com a Igreja Católica e cria uma nova doutrina, o Luteranismo.

4- A REFORMA DE LUTERO



Criticava as indulgências
Pregou 95 teses, criadas por ele, na porta da paróquia criticando a Igreja Católica.
Foi expulso da Igreja pelo papa.
O imperador mandou queimar seus escritos e passou a persegui-lo.
Traduziu a Bíblia para o alemão.
Na época, vários príncipes se converteram ao Luteranismo.

5-  A DOUTRINA DE LUTERO


A fé salva e não as obras;
Cada um pode interpretar a Bíblia por si mesmo;
A Bíblia é a única fonte da verdade;
Só existem dois sacramentos: o batismo e a eucaristia;
Não se devia cultuar os santos e o papa;
Os membros da Igreja poderiam casar;
 Conflito entre  imperador Carlos I   X príncipes luteranos;
Assim surge o termo PROTESTANTE;
As ideias de Lutero se espalham pela Europa;
A imprensa ajudou a disseminar suas ideias;
O primeiro livro impresso foi a Bíblia Sagrada , graças ao criador da imprensa, Gutenberg.


6- JOÃO CALVINO


Foi um burguês, teólogo francês que apoiou Lutero;
Acreditava na predestinação;
Foi acusado de herege;
Fugiu para Genebra , na Suíça.
Governou a Suíça e exigiu do povo uma vida PURITANA.

7- EXPANSÃO DA REFORMA PROTESTANTE

Escócia – presbiterianos
Inglaterra – puritanos
França – huguenotes

MASSACRE DE SÃO BARTOLOMEU - França entra em conflito com os católicos e vence.


8- REFORMA NA INGLATERRA

Henrique VIII pediu ao papa para anular seu casamento com Catarina de Aragão

Catarina de Aragão





















Alegava que ela não lhe deu um filho homem
O papa negou o pedido

Henrique VIII




















Henrique VIII rompeu com a Igreja Católica

Casa-se com uma dama da corte – Ana Bolena

Ana Bolena




















Foi excomungado
Aprova junto ao parlamento inglês o ATO DE SUPREMACIA – 1534
Agora , o rei era ao mesmo tempo o chefe da Igreja Anglicana (criada por Henrique VIII)
Henrique VIII confiscou terras e mosteiros da Igreja Católica, vendeu ou presenteou a nobres burgueses.

9- A CONTRARREFORMA


Os católicos jesuítas criam o Concílio de Trento
Implantam a Inquisição
Criam a Ordem dos Jesuítas para propagar a fé católica
Os jesuítas deveriam ser obedientes e disciplinados
Os jesuítas criaram colégios pelo mundo, inclusive no Brasil

10- O CONCÍLIO DE TRENTO – 1545


Líder: Papa Paulo III
Contra: Calvino e Lutero
Reafirmavam o poder do Papa
Acreditavam em 7 sacramentos
Cultuavam a Virgem Maria e aos santos
Declararam ilícitas as indulgências
Criaram seminários para formar sacerdotes
Reeditaram o INDEX ( índice de livros proibidos pela Igreja Católica)

11- O TRIBUNAL DO SANTO OFÍCIO


Foi implantado na Espanha, Portuga e Itália
Servia para vigiar, julgar e punir os hereges
Punições: perda dos bens, prisão perpétua e morte na fogueira

12- INQUISIÇÃO EM PORTUGAL E NO BRASIL


Os portugueses perseguiam os judeus
Os judeus eram chamados de cristãos-novos, porque se converteram ao catolicismo para fugir das perseguições.
Os portugueses acusaram os judeus de praticarem o judaísmo escondido
Muitos judeus fugiram para a Bahia e Pernambuco
Em 1591, vários judeus foram presos e enviados à Lisboa
No Brasil, africanos e indígenas, eram denunciados por práticas de feitiçaria e bruxaria.


E PARA FINALIZAR, VAMOS ASSISTIR AO FILME 

LUTERO

Nenhum comentário:

Postar um comentário